“Desporto – Um mercado de futuro e crescimento económico” é o título de um texto da autoria do presidente do Comité Olímpico de Portugal (COP), José Manuel Constantino, publicado na “Revista Business Portugal”, no qual são feitas reflexões sobre “um sector em crescimento acelerado, com um impacto económico relevante no espaço europeu.”

O presidente do COP chama a atenção para o facto de o Orçamento do Estado para 2018 ter introduzido “um conjunto de alterações que procuram corrigir alguns (…) condicionalismos, fundamentalmente no âmbito do mecenato, no quadro de um pacote alargado de medidas oportunamente apresentadas na Assembleia da República, as quais se espera virem a concretizar, mormente no que respeita ao estímulo do dirigismo desportivo benévolo, da publicitação de entidades mecenas ou isenção fiscal no apetrechamento desportivo e no IRC de federações dotadas de utilidade pública desportiva.”

José Manuel Constantino lança igualmente um desafio aos agentes económicos: “(…) O desporto representa um investimento de baixo custo e elevado impacto na internacionalização da nossa economia, na afirmação da imagem externa do país e na difusão da cultura lusófona, que invariavelmente recorrem aos seus protagonistas para efeitos promocionais.”

Leia o texto na íntegra, em baixo.

Patrocinadores/Parceiros Nacionais