Foi hoje apresentado o Observatório Nacional da Violência Contra os Atletas (ObNVA) da qual o Comité Olímpico de Portugal (COP) é parceiro.

Esta iniciativa do Instituto Universitário da Maia e da Associação Plano i, procura agregar informação sobre situações de violência contra atletas, através do levantamento e caracterização desses episódios, denunciados de forma informal e anónima através de um formulário on-line, disponível aqui, que pretende dar voz às vítimas e permitir o desenvolvimento de estudos científicos a partir dos dados recolhidos.

João Paulo Almeida, Diretor Geral do COP – que representou a instituição na apresentação do ObNVA – destacou a visão da instituição sobre as questões de integridade que coloca “a salvaguarda da saúde e a proteção dos atletas em primeiro lugar”. O Diretor Geral do COP destacou ainda a possibilidade de “criar uma base para desenhar políticas públicas e implementar mecanismos no terreno”.

O Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo esteve também no evento, e através da sua intervenção on-line reconheceu que a “violência contra atletas é um problema real”. Apesar da intervenção governativa já existente, corroborou a posição do COP, sendo necessário “otimizar políticas públicas que combatam e previnam esta violência”.

João Rodrigues – atleta Olímpico de Vela – e Diana Gomes – atleta Olímpica de Natação, são os Embaixadores do projeto. Reconhecendo a responsabilidade do seu papel, os dois atletas destacaram ainda a importância de erradicar os episódios de qualquer tipo de violência do desporto. João Rodrigues deixou ainda uma mensagem de esperança “É possível ter uma carreira desportiva sem violência. O nosso exemplo, enquanto Embaixadores, pode servir para um desporto mais bonito”.

Para além do COP, são ainda parceiros do projeto o Instituto Português do Desporto e Juventude, a Autoridade para a Prevenção e o Combate à Violência no Desporto, a Associação Plano i e a Ordem dos Psicólogos.

Artigos Relacionados

Patrocinadores/Parceiros Nacionais