Ao terceiro dia de competição nos Jogos Olímpicos Rio 2016, o primeiro grande momento para a comitiva portuguesa com a conquista de uma medalha: a judoca portuguesa Telma Monteiro conquistou a medalha de bronze na categoria de – 57 kg, a primeira medalha de Portugal nos Jogos Olímpicos do Rio 2016, depois de vencer a romena Corina Caprioriu por yuko.

Fazendo uma retrospetiva do dia, no primeiro combate do torneio, a judoca portuguesa venceu a neozelandesa Darcina Manuel com dois yukos e garantiu o apuramento para os quartos de final, onde encontrou Sumiya Dorjsuren. Nesse combate a mongol acabou por ser mais forte e venceu com uma penalização já no ponto de ouro, deixando assim a portuguesa sem a possibilidade de lutar pela prata ou pelo ouro.

Telma não baixou os braços e na repescagem venceu A. Pavia por ippon e garantiu presença no combate pelo bronze. No combate decisivo garantiu para Portugal a segunda medalha da história do Judo, depois de Nuno Delgado, e a primeira de Portugal no Rio 2016, exatamente quatro anos depois de Fernando Pimenta e Emanuel Silva terem conquistado a prata em Londres 2012. Mais um dia histórico para Portugal.

Mas o dia não foi só o bronze de Telma e no Ténis de mesa mais uma vitória histórica por Marcos Freitas, que se tornou no primeiro português a alcançar os quartos de final em singulares nuns Jogos Olímpicos. O mesatenista bateu na quarta ronda o ucraniano Kou Lei por números esclarecedores (11-8, 11-7, 11-5, 11-7) e garante desde já o diploma olímpico.

A mesma sorte não teve Tiago Apolónia, que foi eliminado do torneio de singulares pelo esloveno Bojan Tokic. O colega de equipa do português foi mais forte e venceu por 4-1 (4-11, 12-10, 6-11, 7-11, 8-11).

De volta ao Judo, o estreante Nuno Saraiva, na categoria de – 73 kg, acabou eliminado por Miklos Hungvari. O judoca português fez um combate aguerrido mas a maior experiência do búlgaro acabou por prevalecer.

Já na Natação, Victoria Kaminskaya despediu-se dos Jogos Olímpicos Rio 2016 sem bater o seu recorde nacional nos 200m estilos, fazendo o 6.º melhor tempo da sua série com 2:16.78.

No Ténis, João Sousa levou ao rubro o Court Central no embate frente ao argentino Juan Martin Del Potro, mas não foi capaz de levar de vencida o carrasco de Novak Djokovic e perdeu pelos parciais de 6-3, 1-6 e 6-3. Mais tarde, depois de ser eliminado em singulares, João Sousa juntou-se a Gastão Elias em pares mas o resultado também não foi o mais positivo, com a dupla portuguesa a colocar um ponto final na sua participação olímpica com a derrota frente à dupla canadiana Daniel Nestor e Vasek Pospisil pelos parciais de 6-1 e 6-4.

No mar estiveram também hoje os velejadores portugueses:

Sara Carmo concluiu na 34.ª posição o primeiro dia de regatas da classe Laser Radial nos Jogos Olímpicos Rio2016. Na sua segunda participação em Jogos Olímpicos, a atleta de Cascais foi 35.ª e 32.ª nas duas regatas hoje disputadas, somando 67 pontos. Já Gustavo Lima terminou na 14.ª posição as duas primeiras regatas da classe Laser, após dois 15.os lugares. Já João Rodrigues, na sétima presença em Jogos, é 18.º em RS:X, depois de três regatas, a melhor das quais, a segunda, concluída no 10.º posto. Na primeira, foi 18.º, e na terceira 23.º.