Jorge Fonseca, atual campeão do mundo do Judo na categoria de -100kg, foi esta quinta-feira condecorado com a Ordem de Mérito pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

“Portugal não pode deixar de estar gratíssimo pelo que significa essa vitória”, considerou o Presidente da República na cerimónia que decorreu no Palácio de Belém, tendo apontado Jorge Fonseca como um exemplo, por deixar uma “mensagem fundamental dirigida à juventude” no sentido de que vale a pena “lutar, trabalhar, para depois vencer”.

Marcelo Rebelo de Sousa enalteceu igualmente o “lado humano” de Jorge Fonseca: “É muito especial. O condecorado enfrentou, em simultâneo, o desafio desportivo e o desafio da sua própria saúde. Sem poder separar uma da outra, sem poder dizer ‘agora vou tratar da saúde, logo tratarei da preparação desportiva’. Não, fazia tudo ao mesmo tempo.”  Mas o Presidente da República apontou ainda um “terceiro mérito”, que tornou a condecoração “ainda mais especial”, que é o do judoca campeão mundial “nunca ter deixado de ser pai.”

Fonte: Presidência da República

Patrocinadores/Parceiros Nacionais