No seguimento do Programa de Jovens Embaixadores (JE), implementado nos Jogos Olímpicos da Juventude (JOJ) de Singapura 2010 e Nanjing 2014, o Comité Olímpico Internacional (COI) lançou o Programa Young Change Makers (YCM) para a próxima edição dos Jogos Olímpicos da Juventude – Buenos Aires 2018.

O Programa Young Change Makers vem então substituir o Programa dos Jovens Embaixadores e o Comité Olímpico de Portugal (COP) foi, à semelhança do que já se tinha passado na edição de Nanjing 2014, selecionado para indicar um(a) jovem para fazer parte deste programa, cujos objetivos principais passam por motivar e inspirar os atletas participantes, promover os Jogos Olímpicos da Juventude e os valores olímpicos e informar os atletas sobre as atividades de Aprendizagem e Partilha (culturais e educativas).

O jovem selecionado pelo COP para assumir esta função foi Martim Ramôa, nascido a 31 de maio de 1997, estudante de gestão, atualmente a fazer Erasmus na Grécia, onde está a aprofundar os seus conhecimentos sobre o Olimpismo e os seus valores.
Martim foi atleta de Natação e esteve presente nos Jogos Olímpicos do Rio 2016, como apoiante dos atletas portugueses.
A sua candidatura foi aceite pelo Comité Olímpico Internacional no mês passado e foi confirmada a sua ida a Buenos Aires com a equipa que estará a representar Portugal na 3ª edição dos Jogos Olímpicos da Juventude, em outubro.

Os custos de participação de um(a) jovem no Programa Young Change-Makers são assumidos pelo Comité Olímpico Internacional (viagem e alojamento) e a acreditação é extra à quota de oficiais que cada Comité Olímpico Nacional tem direito.

Patrocinadores/Parceiros Nacionais