Uma de ouro e outra de prata foi o balanço das medalhas obtidas por atletas portugueses em provas de equipas multinacionais nos Jogos Olímpicos da Juventude Buenos Aires 2018. Alexandre Montez, medalha de prata na prova individual de Triatlo, fez parte da equipa mista de estafetas Europa 1, ao lado de Bendix Madsen (Dinamarca), Alessio Crociani (Itália) e Anja Weber (Suíça), e conquistou a medalha de ouro.

O atleta português assumiu a última fase da estafeta, quando a equipa estava na 2.ª posição, atrás da Oceânia 1, mas depois tomou a liderança e não mais a perdeu até ao fim.

O par misto de Ginástica acrobática, composto por Madalena Cavilhas e Manuel Candeias, contribuiu para a conquista da medalha de prata no evento multidisciplinar de Ginástica.

Os dois atletas portugueses fizeram equipa com Fernando Espindola (Argentina), Takeru Kitazono (Japão), Pablo Calvache (Equador), Camila Montoya (Costa Rica), Kseniia Klimenko (Rússia), Zeina Ibrahim (Egito), Lin Hoh (Malásia), Roza Abitova (Cazaquistão), Adelina Beljajev (Estónia), Robert Vilarasau (Espanha) e Jessica Clarke (Grã-Bretanha) no Team Max Whitlock, para chegar ao 2.º lugar, numa competição em que estiveram em prova atletas de Ginástica Acrobática, Artística, Rítmica e de Trampolins.

Na quinta-feira, a seleção masculina de Andebol de praia abriu a “main round” com duas vitórias consecutivas, primeiro frente à Hungria e depois com a Tailândia, posicionando-se bem para assegurar um lugar nas meias-finais. Nesta altura, Portugal é o atual 2.º classificado, atrás da Espanha e em igualdade pontual com Croácia, Argentina e Hungria. Há quatro vagas para cinco candidatos. Na sexta-feira é dia de jogo com os espanhóis.

Ana Costa foi a primeira representante do Atletismo a entrar em ação. Nas eliminatórias dos 400 m foi 14.ª na classificação geral, entre as quatro séries (25 participantes no total).

José Lopes e Filipe Santo (Natação) encerraram a sua participação em Buenos Aires, com um 9.º e um 23.º lugares, respetivamente, nos 800m livres. Com o pormenor de Lopes ter feito melhor do que um dos participantes na série mais rápida, que decidia as medalhas.

Na Vela, João Abreu fez três regatas e é o atual 17.º classificado.

 

RESULTADOS, 11/10/2018

ANDEBOL DE PRAIA

Main round – Hungria-Portugal, 0-2 (20-21, 10-15)

– Tailândia-Portugal, 0-2 (16-22, 18-20), atual 2.º classificado

 

ATLETISMO

400m – Ana Costa, 5.ª na série, 14.ª na geral (57.58)

 

GINÁSTICA

Evento multidisciplinar (Acrobática, Artística, Rítmica, Trampolins)

Team Max WHITLOCK (com Madalena Cavilhas e Manuel Candeias), 2.º, medalha de prata

Team DONG Dong (com Beatriz Cardoso), 5.º

Team Alina KABAEVA (com Ruben Tavares), 6.º

 

NATAÇÃO

800m livres – Filipe Santo, 23.º (8,24,48)

800m livres – José Lopes, 9.º (8.09,43)

 

TRIATLO

Estafetas mistas – Alexandre Montez (integrado na equipa Europa 1), 1.º, medalha de ouro

– Inês Rico (integrada na equipa Europa 6), 5.ª

VELA

Techno 293+ – João Abreu – regata 5, cancelada; regata 10, 9.º; regata 11, 18.º; regata 12, 16.º; atual 17.º

 

PROGRAMA, 12/10/2018

ANDEBOL DE PRAIA

10h50 (14h50) Main round – Espanha-Portugal

 

ATLETISMO

15h10 (19h10) 2.000m obstáculos – Etson Barros

15h25 (19h25) 2.000m obstáculos – Bárbara Neiva

16h44 (20h44) 100m – Beatriz Andrade

 

CANOAGEM

11h09 (15h09) Eliminatórias C1 – César Soares

 

NATAÇÃO

10h27 (14h27) – 200m bruços – Raquel Pereira

10h58 (14h58) – 400m livres – Alexandra Frazão

 

PENTATLO MODERNO

14h00 (18h00) – Esgrima – Eduardo Oliveira

 

VELA

12h05 (16h05) – Techno 293+ – João Abreu – regata final

Patrocinadores/Parceiros Nacionais