Ao terminar a primeira metade do atual ciclo olímpico que culminará com os Jogos Olímpicos Rio 2016 o Comité Olímpico de Portugal (COP) apresenta e submete à discussão um documento de análise e reflexão sobre a sustentabilidade competitiva do desporto português, no qual identifica um conjunto de fatores críticos, perspetivando o futuro no que respeita ao desenvolvimento das opções estratégicas e prioridades da Comissão Executiva.

Desta forma o Comité Olímpico de Portugal pretende mobilizar o movimento olímpico e desportivo nacional, bem como um conjunto de entidades em áreas relevantes para a valorização social desporto. Trata-se de um primeiro trabalho que, fundado numa perspetiva do desporto e do olimpismo como elemento central da nossa cultura e desenvolvimento social, a qual orienta o programa de ação da Comissão Executiva, procura diagnosticar os aspetos essenciais para concretizar esse desígnio, elencando nos pontos finais um conjunto de medidas e recomendações prioritárias para o concretizar.

Este documento, enviado a todas as Federações, foi apresentado na reunião da Comissão de Orientação Estratégica do COP, que ontem decorreu na sua sede, no propósito de recolher os contributos e estimular o debate de todos os interessados. Foi ainda agendada para o mês de setembro uma reunião com as federações com atletas integrados no Programa de Preparação Olímpica, na qual se abordarão, entre outros, alguns dos temas visados neste documento.

Patrocinadores/Parceiros Nacionais